Descubra como o chocolate pode influenciar na saúde da pele

A páscoa se aproxima e com ela o chocolate torna-se o personagem principal. Branco, amargo ou ao leite, não importa. O chocolate neste momento é opção de presente em formato de ovos, bombons e outras diversas variações. O fato é que seu consumo aumenta significativamente nesta época do ano. E aí a dúvida surge: o chocolate pode interferir na saúde da pele?
pesquisa-detecta-beneficios-do-chocolate-para-sua-pele
“Apesar de não ter participação direta na causa da doença, a dieta pode ter influência no aparecimento da acne em algumas pessoas. Alimentos como chocolate, gorduras animais, amendoim, leite e seus derivados devem ser evitados pelos pacientes que apresentam acne e percebam o agravo dos sintomas após a ingestão dos mesmos”, afirma a dermatologista Carolina Marçon, membro titular da Sociedade Brasileira de Dermatologia e da Academia Americana de Dermatologia.
A especialista explica que alguns estudos mostram que a ingestão de chocolate amargo fornece flavonoides para a pele, nutriente que segundo cientistas, absorve os raios UV e aumenta a irrigação sanguínea cutânea, melhorando sua aparência. “Em uma pesquisa alemã, mulheres ingeriram diariamente cacau enriquecido com flavonoides. Após 12 semanas, a pele delas estava 25% menos sensível aos efeitos nocivos do sol. Essas seriam também a ação proposta para os tratamentos tópicos com chocolate. No entanto, ainda não existem evidências científicas consistentes para respaldar a indicação.”
O poder do doce
Já o chocolate ao leite tem muito açúcar e gordura. Os chocolates com castanhas ou amendoim também possuem mais gordura que os chocolates comuns e devem ser evitados, assim como o chocolate branco que é o mais gorduroso de todos. De acordo com Dra. Carolina, a avaliação individual da pele do paciente é importante, assim como a manutenção de uma dieta equilibrada e a administração de medicamentos recomendados por um dermatologista.
Outro fator que a dermatologista ressalta é a existência de trabalhos que mostram a influência de alimentos de alto índice glicêmico (carboidratos) na piora do quadro de acne. “As elevações da glicose no sangue, após ingestão de alimentos de alto indíce glicêmico, causam um aumento secundário da testosterona e uma diminuição dos hormônios sexuais envolvidos no controle da secreção das glândulas sebáceas, levando a piora da acne”.
fonte: Ikesaki

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *